Por que nós deveríamos abolir os micro limits?

Quase três anos atrás, o ex-campeão do Main Event da WSOP, Aussie Joe Hachem alertou o mundo inteiro com uma observação simples: o poker está morrendo. Meses mais tarde,  Daniel ‘jungleman’ Cates complementou Hachem e disse: o poker online está morrendo. Os operadores de poker reagiram um por um, admitindo que o mercado não é saudável em tudo e criaram palavras bonitas para este status quo, como “ecossistema” e “ambiente predatório”. Então eles tentaram reformular poker online protegendo mais os “recreativos” e menos os “profissionais”.

Eles acrescentaram novos jogos, mais deles baseados na sorte e jogos de cassino, diminuíram os incentivos voltados para os grinders pesados e SIM, aumentaram o rake. E se você acha que o tempo de experiências já passou, errr…! Porque mais cortes estão chegando para os regulares do PokerStars e, provavelmente, mais custos para tratar dos altos rakes.

Mas essas são algumas boas decisões para o “ecossistema”? É o “ecossistema” ficando mais e mais saudável? Infelizmente, os efeitos positivos não são visíveis a todos, é por isso que os operadores de poker online precisam de uma abordagem diferente, uma mais drástica que poderia realmente funcionar. E uma alternativa para: aumentar o rake!

artigo-rit-traduzido

Uma Solução Alternativa

Mais uma vez, a discussão “rake” está no centro do palco e é amplamente falada entre os jogadores de poker, tanto os profissionais quanto os recreativos. A perspectiva, porém, é diferente: não se trata de diminuir o rake, mas na verdade aumentá-lo. Uma nova onda de opiniões surgiu dizendo que o aumento do rake, especialmente em stakes menores, é realmente bom para o jogo no longo prazo. Daniel Negreanu expressou esta opinião recentemente em um podcast. Você pode vê-lo abaixo (pule aos 27 minutos para chegar diretamente para a ação):

No mês passado, o proprietário do TwoPlusTwoMason Malmuth, também ofereceu a sua opinião sobre o que o poker on-line precisa para passar por cima disso: aumentar o rake nos stakes menores, limitar o multitabling e terminar todos os bônus baseados no volume.

De acordo com os dois, ao aumentar o rake, você faz os micro stakes imbatíveis, o que pode forçar os regulares low stakes a fugir para os stakes mais altos e deixar os recreativos lutando uns contra os outros, o que pode resultar em uma melhor experiência global para eles. Assim, as apostas mais altas recebem um influxo de ‘novos jogadores’ e os recreativos podem ter uma chance de ganhar uma boa quantidade de tempo (mesmo que a longo prazo, eles sejam perdedores).

No entanto, isso não resolve o problema do “ecossistema” no longo prazo: o jogo girava em torno dos recreativos e os high stakes precisam dos recreativos e não de grinders de low stakes, que podem adaptar-se e tornar os jogos ainda mais difíceis ou apenas desistir, uma vez que eles sabem que não será capaz de lucrar se continuar a jogar. Na verdade, um grinder low stakes pode se tornar um reg fish, mas apenas por um curto período de tempo. No longo prazo, o field continuará ser esvaziado de recreativos. É por isso que há uma necessidade de uma solução alternativa, um que realmente tem implicações no campo do poker em geral, e não na demonstração financeira do operador. Uma solução como a abolição dos micro stakes uma vez por todas.

Ok, mas porque?

artigo-rit-traduzido-2

Por que fazer isso?

O poker online, especialmente nos cash game micro stakes (e Sit & Go também), virou mais ou menos “a festa dos nit”. Mais e mais jogadores – a maioria deles com origem a partir do segundo e terceiro países em termos de renda – tornaram-se grinders de tempo integral, sem intenção de fazer um move up. Por quê? Porque eles têm uma vida decente apenas por jogar os micros, onde os jogos são definitivamente mais fáceis. Como resultado, os micros endureceram a um ponto que os recreativos estão sendo destruídos, assim como os high stakes. Então, por que manter os micros mais tempo?

Toda a ideia era de os menores stakes serem um campo de treinamento para os Poker Pro novatos sem bankroll, um lugar de transição para aprimorar suas habilidades antes de fazer um move up. Infelizmente, este não é o caso mais como em stakes como NL2 e NL5 agora são como NL25ou 50NL nos velhos tempos. E uma vez que há uma necessidade de uma nova onda de jogadores com low e middle stakes para sustentar a economia do poker em geral, e as high stakes no futuro, abolir os micros faz cada vez mais sentido.

Se os operadores se livrarem dos micro stakes e deixarem os NL25 ou 50NL o menor nível para jogar cash game on-line (como nos primeiros dias de poker online), não só os grinders micro serão forçados a fazer o move up, mas também os recreativos (o mesmo aplica-se a alguns Sit & Go de buy in US $ 5 ou US $ 7 ou até US $ 10 sendo os mais baixos stakes onde se pode jogar). Os low stakes irão, de repente, tornar-se mais suculento e o winrate dos sharks vai aumentar exponencialmente, deixando espaço para que eles possam dar “tiros” nos stakes maiores (resultando em mais dinheiro nesses níveis). Apenas uma gota acima para economia.

E se os operadores também limitarem multitabling, então podemos ver novas rajadas de vida nos high stakes e Nosebleedings (termo utilizado para os high stakes). Zoom e Fast Poker não são uma solução, forçando um jogador tight a soltar-se, porque ele tem menos mesas e uma carga horária menor.

crash-poker

Por que  não fazer?

A boa notícia é que, recentemente, em alguns países como a Bélgica e a Roménia, NL2 não é mais disponível em plataformas como o PokerStars. Infelizmente, porém, isso não tem nada a ver com a tentativa do PokerStars para abolir os micros. Muito provavelmente, a decisão tem a ver com a legislação nesses dois membros da UE.

Na verdade, a possibilidade de tomar medidas tão drásticas são quase nulas. Por quê? Porque a maioria do rake vem dos micros. Os micro stakes geram uma receita enorme para todos os operadores de poker online como o rake é muito alto em comparação com os blinds reais / buy-ins (table cap para os cash games inclusos) e incerto em alguns casos e, também, para essas stakes, pode-se encontrar o maior número de mesas abertas, jogadores e recreativos. Acumuladas, todas estes variáveis são ouro para as salas de poker. Então, como eles poderiam constantemente matar a galinha dos ovos de ouro?

Enquanto abolir os micro stakes pode muito bem ser uma decisão com o potencial de reviver o poker online, o grande problema é que nós nunca vamos descobrir… infelizmente!

O que você acha? É abolir os micros seria uma solução para os problemas do poker de hoje? E se não, que outras soluções que você vê? Por favor, compartilhe seus pensamentos com o resto de nós na seção de comentários abaixo.

Este texto foi escrito originalmente por Florian Gheorghe. Sua versão original pode ser encontrada aqui.


Se você gostou deste conteúdo, compartilhe com seus amigos através dos botões de compartilhamento abaixo deste post.

Cadastre-se em nossa lista de emails para receber esses e outros conteúdos em primeira mão.

 

Anúncios

10 pensamentos sobre “Por que nós deveríamos abolir os micro limits?

  1. Pingback: Explicado: 4 Situações de ICM em Torneios Para Nunca Mais Errar | RIT Podcast - Run It Twice - Poker

  2. Na minha opinião o que acabou com o poker online foram as mesas rapidas estilo rush e zoom e os programas de estatisticas tipo o holdem manager, é so tirar as mesas rapidas e proibir os programas que o movimento vai aumentar. Agora as argumentações, jogando nas mesas rapidas os recreativos acabam automaticamente jogando mais tigth, baralham menos, o que torna o jogo chato para os recreativos que quero diversão e adrenalina, e os programas nem preciso falar ne, usar programa de banco de dados como suporte não é poker de verdade, se o cara quer marcar o jeito do outro jogar e suas tendencias que faça isso na raça usando notes na plataforma ou notes no word, excel e etc,,, Quanto mais automatizado entre aspas o jogo, mais chato fica para os recreativos,

    Curtir

  3. Pingback: Como jogar por valor sem acertar o board | RIT Podcast - Run It Twice - Poker

  4. Pingback: Usando as estatísticas de HUD para 3betar e 4betar corretamente | RIT Podcast - Run It Twice - Poker

  5. se abolir os micros, com certeza perdera MUITOS jogadores, ja que muita gente esta ali apenas para se divertir, nao sonhando em ficar rico, e querem gastar o menos possível caso perca, e tem alguns que estao aprendendo pr subir de buy in um dia, n acredito q fariam isso, e qual o problema em ter pessoas boas nos micros? nao vejo problema, se alguem defende a ideia de abolir os micros, e por que no nivel q ele joga e competitivo, ai ele quer q os ruins sejam obrigados a subir de buy in, e ficar mais facil para eles, jogar com caras ruins com buy in mais alto, n concordo em abolir os micros.

    Curtir

    • Bom dia, Herich. Obrigado pelo seu comentário.

      Eu também não concordo em abolir os micros. Não acho q seja a solução para o tal “problema do ecossistema”. Até poderia ter o efeito desejado por eles no início, mas acredito que não seria sustentável. A chance de jogadores fracos sobreviverem nos níveis mais altos é muito pequena. Logo logo eles teriam o mesmo problema novamente.

      Curtir

  6. Sinceramente não sei se é a solução ideal, por exemplo:
    Se o pokerstars abolir o micro e limitar o multitable, o que eu faria?
    Iria jogar em outra plataforma, ou
    Jogaria a maior quantidade de mesas possíveis no pokerstars e usaria outra plataforma de jogo.

    Na verdade isso já vem acontecendo outras plataformas estão criando torneios com bons garantidos e criando torneios com 15~20min de blinds, o que é um sonho para o pokerstars.

    O que vejo recentemente são vários regs jogando 3 tipos de plataformas diferentes, há 3 anos atrás isso não era necessário, hoje em dia se você não fizer isso, estará deixando de ganhar dinheiro.

    Curtir

    • De fato, o PS pode acabar perdendo jogadores. Contudo, quem grinda Sit and Go, por exemplo, não tem tantas boas opções assim hoje. Abolir o micro talvez seja exagero, mas limitar o multitabling acredito ser bem plausível.

      Curtir

    • Sim, Marlon. Vamos ver o que as cenas dos próximos capítulos nos dirão. Fato é que eles parecem preocupados e dispostos a mexer no sistema, como já fizeram no inicio deste ano.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s